Agenda

Na ativa desde 2000, os lajeadenses da Just Blues, são os mais expressivos divulgadores do Blues pelas margens do Rio Taquari. No repertório standards primordiais do gênero se intercalam com releituras de artistas mais atuais, apostando nessa fusão de guitarras mais nervosas dentro do blues clássico. A banda aposta no carisma do seu vocalista, Eder Viana, com ponto forte de fusão entre o palco com a energia da plateia, sua voz marcante e firme destila a verdade contida nas letras de blues. Na bateria, comandando a cozinha, temos Fabiano Giongo, com sua pegada ímpar proporcionando o ritmo contagiante que rege esse estilo. Ao seu lado, ainda na cozinha, Rodrigo César Moreira, com seu baixo pulsante não deixa a peteca cair, o seu som aveludado e preciso transmite elegância a sonoridade nervosa da banda. Nas guitarras um show à parte, Diego Gheno na guitarra solo faz por merecer o título de pentatônica mais rápida do oeste do Vale do Taquari. Seu solos precisos, mágicos e enérgicos dão a banda sua cara. Na outra guitarra o único remanescente original da banda, Jones Fiegenbaum, com sua proposta de profetizar e arrebanhar mais fiéis ao mundo blues mantém vivo e firme o intuito de uma banda de blues no país do samba. A Just Blues teve oportunidade de tocar e dividir palco com importantes artistas do cenário nacional e internacional do blues. Já tocou inúmeras vezes com o chileno Gonzalo Araya. Artista endorser da marca de harmonica alemã Honer, que desfila sua simpatia, carisma e habilidade musical por todo o mundo. Tocou no mesmo palco abrindo show do excelente guitarrista gaúcho Fernando Noronha e Black Soul. Artista esse que foi o primeiro do segmento no RS a fazer turnê pela Europa. E por fim, dividiu placo com a lendária banda de rock/blues Made in Brazil, direto da Pompéia São Paulo reduto da formação musical dos seus líderes Celso e Oswaldo Vecchione. A banda conta com 16 anos de estrada. Portanto, já debutou, parte agora para maior idade e não pretende encerrar suas atividades tão cedo. Ingressos R$ 15